Partida

101317_49894_d8a55a4974_p

A morte não é nada.
Ela não conta.
Eu apenas escapuli para a próxima sala.
Nada aconteceu.
Tudo permanece exatamente como foi.
Eu sou eu, vocês são vocês, e a antiga vida que vivemos tão carinhosamente juntos permanece intocada, imutável.
O que quer que fôssemos um para o outro, ainda o somos.
Chamem-me pelo antigo nome familiar.
Falem de mim da maneira mais fácil como vocês sempre costumavam fazer.
Não usem um tom de voz diferente.
Não usem ar forçado de solenidade ou tristeza.
Riam como sempre ríamos das piadas com as quais nos divertíamos juntos.
Toquem, sorriam, pensem em mim, rezem por mim.
Permitam que meu nome seja para sempre a palavra familiar que sempre foi.
Que ele seja pronunciado sem esforço, sem o fantasma de uma sombra sobre ele.
A vida significa tudo o que sempre significou.
Ela é o mesmo que sempre foi.
Há uma continuidade absoluta e inquebrável.
O que é esta morte, senão um acidente insignificante?
Por que eu deveria estar fora da mente por estar fora da vista?
Estou apenas esperando por vocês, por um intervalo, em algum lugar muito próximo, ao virar da esquina.
Tudo está bem.
Nada está ferido, nada está perdido.
Um breve momento e tudo será como antes.
Como vamos rir da dificuldade desta partida quando nos encontrarmos novamente!

(Henry Scott Holland, autoria controversa)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s